Umi Monogatari – 02

Kanon e Marin estão procurando pela Urin na chuva. Kanon escorrega numa raiz de uma árvore e pra não cair se abraça na estátua de tartaruga que estava próxima. Ela escuta a Urin chorando e avisa a Marin. Nisso a estátua começa a rachar e um brilho esverdeado escapa pelas rachaduras. A estátua se transforma numa tartaruga velha. A Marin agradece a Kanon por ter encontrado a irmã dela dizendo que ama ela por causa disso, o que faz a Kanon ficar sem palavras. Ela diz que ela é a primeira amiga que ela fez no mundo do “céu”.
A tartaruga de antes se aproxima e chama a Marin de “Umi no Miko” (Sacerdotiza do Mar). Depois de ver uma tartaruga ambulante, a Kanon perde a paciência com a situação e some em direção a floresta.
Logo depois ele explica que não voltou para o fundo do mar porque ficou de guarda contra a Sedona, uma criatura do mar como elas, que enxia de escuridão os corações das pessoas que eram do mar para que elas não voltassem para lá.
Ele diz que agora eles precisam procuram a “Sora no Miko” (Sacerdotiza do Céu) para poderem selar novamente a Sedona, só que ele não faz a menor idéia de quem seria essa pessoa.
Enquanto isso a Kanon encontra com a sua mãe, que mostra para ela algumas pedras que ela pegou. Depois de alguma conversa, melhor dizendo, discussão, a mãe dela vai embora. Nisso o mar começa a ser envolto em escuridão. Do mar saí outra mulher que caminha em direção a Kanon. Ela diz que não quer saber de nada, mas é atacada pela mulher. Depois de fugir, ela se esconde num playground, mas a mulher encontra ela. Daí começa um pouco de tentacle rape com os cabelos da mulher que me fez virar os olhos. Ack. Nesse momento aparece a Marin que se transforma e começa a lutar contra a mulher. Durante a briga, ela começa a apanhar e o Kame acaba descobrindo que a Kanon é a Sora no Miko. Ela não quer saber disso porque não tem nada a ver com ela. Então a Urin diz que a culpa é dela porque ela estava atrás do anel da Kanon e acabou libertando o Sedona. Quando a Kanon descobre que a culpa foi do anel que ela jogou longe, ela acredita que a responsabilidade agora é dela. Ela então se transforma.
Com uma ajudinha do Kame ela lança uma bola de fogo contra a mulher que ia destruir ela, mas a Marin salva a mulher, dizendo que já viu ela antes. Ela então abraça a mulher e ela se transforma em um polvo.
Mais tarde ela devolve o polvo para o mar. Marin então devolve o anel para a Kanon.

Anúncios

~ por Sniperk em 01/07/2009.

 
%d blogueiros gostam disto: