CLANNAD ~After Story~ – 23 (Extra Chapter)

Começo de ano letivo, e a Nagisa descobre que não ficou na mesma sala que nenhum dos seus colegas do ano anterior. Tomoya esbarra nela, mas ela que pede desculpas. Ambos nem se conhecem ainda nesse ponto.
Logo depois, Tomoya e Sunohara estão fazendo algumas placas para dar as boas vindas aos alunos do primeiro ano, pois o professor pegou eles quando estavam tentando fugir da sala. Sunohara fica reclamando da vida, até que a Kyou começa a xingar ele. Kyou então pergunta o nome para o Tomoya, e quando ele pergunta o nome dela, ela diz que não precisa dizer o nome para delinquentes. Durante a conversa dos dois Sunohara tenta fugir mas tropeça em uma tábua de madeira que apoiava as outras que estavam em pé. Elas começam a cair em cima dos dois, mas Tomoya consegue salvar a Kyou a tempo. As tábuas caem todas em cima do Sunohara. Relutantemente, na ida pra casa, Kyou agradece a Tomoya. Ela então se apresenta, dizendo ser Fujibayashi Kyou. Tomoya lembra-se que tem outra pessoa chamada Fujibayashi na escola, e a Kyou explica que é a sua irmã gêmea. Ela diz para ele chamá-la de Kyou para não dar confusão.
Ao chegar em casa, Nagisa conta para Akio que não consegue fazer amigos na sua sala, e ele dá vários conselhos furados que culminam na típica piada dos pães da Sanae, com ela saindo correndo rua afora, chorando.
No outro dia na escola, Nagisa imagina como seria a cena dela usando os conselhos do pai dela, mas acaba se negando a usá-los. (E quem não se negaria?) Ela não percebe que está sendo observada por uma das suas colegas.
Kyou encontra Tomoya deitado no gramado da escola, e tenta acordá-lo. Ela acaba achando ele legal, naquela situação, imaginando se ele tem namorada. Sunohara aparece imaginando qua Kyou está pra fazer alguma coisa com o Tomoya. Após algumas palavras trocadas, Sunohara vira um pirocóptero depois de um soco-apaga-memória da Kyou.
Nagisa está indo para casa e é chamada por uma das suas colegas do ano anterior. Ela vem com outra pessoa, e elas convidam a Nagisa para ir passear. Durante o passeio as duas decidem pregar uma peça na Nagisa, mas logo depois pedem desculpas para ela. Quando elas se despedem, Kimura diz que é uma pena que ela não conseguiu fazer nenhum amigo ainda na sua sala, porque ela é uma pessoa muito interessante. Ao chegar em casa, Akio continua dando seus conselhos, envolvendo os pães da Sanae… O resto vcs já sabem.
À noite, Ryou está lendo a sorte da sua irmã, usando cartas de baralho, e as cartas dizem que a Kyou vai receber uma confissão no dia seguinte. Nesse momento, Sunohara está planejando outra das suas. Ele escreve uma carta anônima para Kyou, pedindo que ela o encontre. No outro dia, Kyou encontra a carta dentro do seu armário, enquanto Sunohara e Tomoya espiam de longe.
Os colegas de classe de Nagisa estão conversando e nem percebem quando ela chega na sala. Uma delas fala dos Dangos, mas nenhuma delas lembra do nome. Quando a Nagisa tenta falar, a professora chega na sala e diz para todos irem para o ginásio. Nagisa não percebe novamente, mas ela está de novo sendo observada pela mesma menina do dia anterior.
Durante a cerimônia de abertura do ano letivo, Kyou continua nervosa, Sunohara dorme. Então Kyou vai até o lugar que estava escrito na carta, só que isso começa uma sequencia de mensagens fazendo ela correr de um lado pro outro, até que chega um ponto que o Tomoya começa a dizer para o Sunohara que é bom ele parar com isso. Ele diz que sim, enquanto escreve no quadro negro o próximo destino. Ele pergunta pra onde que ele deveria mandá-la dessa vez, só que a Kyou chega nessa hora e espanca os dois.
Logo após eles preparam uma nova peça, só que Sunohara quer colocar todo tipo de estupidez no cartaz. Tomoya então decide ele mesmo escrever algo. Eles então colocam uma bola surpresa na entrada da escola, com uma corda com os dizeres “Alguém puxe! É legal!”. Todos passam por lá até que a Nagisa aparece e puxa a corda, fazendo a bola se abrir e, caindo uma tina de ferro na cabeça dela, fazendo-a desmaiar. Os outros estudantes ficam preocupados e a levam para a enfermaria. Quando ela acorda, descobre que a menina que ficava observando ela está lá cuidando dela. Ela diz que queria conversar com ela já algum tempo, e que queria ser sua amiga.
À noite, Kyou e Ryou estão na banheira, e Kyou começa a reclamar dos problemas que ela tem tido com alguns alunos problema. Ryou nota que a irmã não parece desgostar completamente da situação, mas Kyou muda de assunto perguntando do tamanho dos seios da Ryou.
Sunohara está escrevendo outra carta de amor para a Kyou, e Tomoya então diz que eles tem muito tempo de sobra.
Ao chegar em casa, Nagisa conta para os seus pais o que aconteceu e mostra o conteúdo da mensagem. “Trabalhe duro, e não desista das dificuldades que virão.” Ela agradece então para a “pessoa com o nome estranho”. E terminamos com a cena do instante que a tina de metal caiu na cabeça da Nagisa.

Próximo episódio parece ser uma recapitulação da série. Como eles pretendem apertar 47 episódios em apenas 20 minutos eu não faço a menor idéia. Vamos esperar pra ver.

Foi engraçado de ver a dinâmica entre a Kyou, Sunohara e Tomoya novamente. Depois de várias semanas de episódios pra lá de dramáticos, foi legal de ver o anime dando aquela mesma impressão que dava no começo da primeira temporada.

Over and Out

Anúncios

~ por Sniperk em 20/03/2009.

 
%d blogueiros gostam disto: