Final Fantasy IX – Replay

Tava jogando FFIX novamente, porque tinha esquecido completamente do enredo do jogo, e queria relembrar, e, Deus do céu, como fiz bem. Pra quem conhece a série Final Fantasy da antiga SquareSoft, atual SquareEnix, sabe do que estou falando. Uma das coisas que mais pesa nesses jogos é o enredo, sempre centrado em temas cativantes. Final Fantasy VII falava da natureza e do poder que ela tem, o VIII contou principalmente uma história de amor e devoção a uma causa, e o IX fala principalmente de amizade, e tudo que com ela vem. Bom, na verdade fiz esse post mais pra mostrar uma pequena transcrição que fiz de uma das cenas do jogo. Durante a saga de Terra, em um lugar chamado Pandemonium, o personagem principal, Zidane, descobre a sua verdadeira natureza, e fica perdido.
Segue abaixo a transcrição e algumas screens do jogo, não todas da cena referida.

Zidane encontra-se em uma cadeira
Zidane: Quem sou eu?
Zidane: Eu não sei de nada. Não consigo pensar em nada.
????: Zidane!
Zidane: É… era assim que me chamavam!
Zidane: Muitas pessoas me chamavam assim.
Eiko: Você tem sempre que se aparecer, não é?
Zidane: É, talvez.
Steiner: Ora, seu mendigo inútil!
Zidane: É… Parece mesmo.
Freya: Digno de você.
Zidane: Digno de mim…?
Vivi: Eu realmente aprendi muito viajando com você, Zidane.
Zidane: É, faz de conta. Eu não tenho nada pra ensinar…
Quina: Você ensina eu coisa muita mais importante que comida gostosa.
Zidane: Não! Eu não sei nada!
Amarant: E você chama isso de amizade?
Zidane: Amizade… Amizade…?
Dagger: Zidane!
Zidane: Eu não sei… quem sou eu…
Dagger: Você esteve lá quando precisei, Zidane…
Zidane: Estou tão… cansado…
Dagger: Como pode você estar sempre tão…?
Zidane: Eu… Eu sou… um… buraco… vazio…
????1: Zidane!
Zidane: Quem?
????2: Acorde, Zidane!
Zidane: Quem…?
????1: Anda logo, Zidane, acorda!
Zidane: Ai…
Vivi: Zidane!
Zidane: Vivi… Eiko…
Eiko: Ainda bem, você está vivo! A gente pensou que você tinha morrido!
Zidane: Ah… Eu…
Vivi: Estávamos tão preocupados! Porque você veio prá cá sozinho?
Zidane: O quê… vocês estão fazendo aqui?
Vivi: Hein? Viemos salvar você, é claro…
Eiko: E não foi fácil! Você saiu correndo sozinho!
Zidane se levanta da cadeira, cambaleando. Ele esbarra nos dois, mas passa por ambos.
Zidane: Me deixem em paz…
Eiko: Hã?
Zidane dá mais alguns passos.
Zidane: Isso não tem nada a ver com vocês.
Vivi: Ah, qualé?
Eiko vai até Zidane.
Eiko: Lá vai ele de novo, dando uma de durão… Olha, Zidane… Isso não é só sobre você.
Vivi dá alguns passos até a Eiko, Zidane continua em direção a porta. Eiko e Vivi correm até Zidane.
Vivi: Qualé, Zidane… Não fique assim. Vamos–
Zidane interrompe Vivi.
Zidane: Cala a boca! Fica quieto, seu muleque burro!
Zidane atravessa o portão mas o fecha antes que os dois possam passar.
Vivi: Zidane!
Eiko: Zidane…
A cena muda, e mostra Zidane do outro lado do portão, apoiado no mesmo.
Zidane: …
Eiko: Zidane, espera!
Vivi: Você tem que descansar, Zidane!
Zidane: Dá pros bobinhos calarem a boca!
Zidane desce os poucos degraus e se ouve o grito de alguma criatura.
Zidane: Tem algumas coisas que crianças não conseguem entender.
A criatura Amdusias então ataca Zidane. Durante a batalha, Freya aparece.
Freya: Parece que você está precisando de ajuda.
Alguns instantes depois, Amarant também entra na batalha.
Amarant: Você não consegue nem cuidar de si mesmo?
Após a batalha, Zidane continua cambaleante.
Freya: Foi burrice você vir sozinho.
Zidane: …
Amarant: Hipócrita desgraçado. Fica sempre falando de amizade, quando você mesmo não passa de um lobo solitário.
Zidane: Eu posso tomar conta de mim mesmo.
Zidane segue caminhando, Freya tenta pará-lo.
Freya: Volte aqui, Zidane!
Amarant: …
Zidane passa por um portal, começa a descer uma pequena escadaria e ouve ruídos de batalha logo adiante.
Zidane: !?
Steiner: Ngwah!
Quina: Aiya!
Steiner e Quina são lançados ao chão na frente de Zidane.
Steiner: Eu não vou ser vencido tão facilmente.
Quina: Agora eu irritado! Cozinho você bem!
Zidane: Steiner… Quina… O que vocês estão fazendo…
Os dois saem correndo em direção ao monstro.
Steiner: Toma isso!
Quina: Engole isso!
Durante a batalha Zidane entra no combate
Zidane: Vocês…
Steiner interrompe Zidane.
Steiner: Você está atrasado, Zidane!
Após a batalha.
Steiner: Hmpf! Que oponente indigno!
Quina: Zidane, deixa a gente não pode!
Quina: Ainda quero você me leva lugar com muita comida gostosa!
Steiner: E eu ainda não decidi se você é ou não o homem certo para Sua Alteza, ouviu?
Zidane segue caminhando, passa pelos dois e para.
Zidane: Só… me deixem em paz. Eu não quero mais incomodar vocês.
Então Zidane segue adiante, enquanto Steiner e Quina se entreolham.
Steiner: …
Quina: …
Zidane passa por mais uma porta e se recosta nela.
Zidane: Vocês não passam de uma cambada de babás desgraçadas!
Zidane caminha mais alguns passos, ainda cambaleante.
Zidane: Mas acreditem, eu sei que sou o maior desgraçado aqui.
Mais uma batalha então começa. Zidane está sozinho desta vez.
Zidane começa a lutar, mas o inimigo parece muito forte para ele vencer sozinho. Durante a batalha, o monstro o ataca com um golpe que o deixa quase morto, nisso Dagger aparece e cura completamente os seus ferimentos com sua magia de cura.
Zidane: Dagger!
Dagger: É assim que você quer resolver o problema?
Após a batalha, Zidane caminha normalmente em direção a Dagger alguns passos
Zidane: Dagger!
Dagger: Você tenta fazer tudo sozinho, não é mesmo?
Zidane vira as costas para Dagger.
Zidane: Tente entender… Eu não quero mais causar problemas pra ninguém.
Dagger: Nós não somos amigos!?
Zidane então se vira novamente em direção a Dagger.
Zidane: Eu quero acreditar que sim! Por isso que eu sempre…
Zidane: Veja bem! Eu não sou de Gaia. Foi por um fio de cabelo que eu não me tornei o destruidor de Alexandria!
Zidane: Eu não posso aceitar a amizade de vocês tão facilmente!
Dagger dá as costas para Zidane e caminha alguns passos.
Dagger: Você sempre protegeu a gente.
Dagger: Mas você ainda não entendeu que a gente cuidou de você também!
Dagger vira-se em direção a Zidane.
Dagger: Nós cuidamos de você enquanto você cuidava da gente.
Dagger: E nós acreditamos em você do mesmo jeito que você acreditou na gente!
Dagger: Assim como você protegia a gente…
Dagger: Nós queremos proteger você.
Zidane: Dagger…
Quina entra na sala. Zidane vira-se para ele.
Quina: Você diz bem!
Quina: Mestre diz pra eu, alguém dá gostosura, você dá gostosura pra ela. Boas maneiras!
Quina: Ainda não consegui cozinhar sapo suculento pra Zidane.
Zidane: Quina…
Nisso Steiner chega.
Steiner: Cavalheirismo requer que um cavaleiro cuide de seus aliados em combate. Eu não abandonarei você!
Steiner: E eu o seguirei reino à reino se necessário. É bom você lembrar-se disso!
Zidane: Steiner…
Zidane dá alguns passos.
Zidane: Ahh… O que é que eu vou fazer com vocês?
Steiner: O sentimento é mútuo!
Dagger: Legal! Vamos indo então!
Dagger: Peraí… Cadê os outros?
Zidane caminha em direção a porta.
Zidane: Vocês não acham que… eles ficaram presos lá atrás?
Quina: Possível é…
Steiner: Você não deveria tê-los deixado pra trás!
Dagger: É isso mesmo! Que coisa…
Zidane: Awww…
Zidane: Desculpem. Vamos voltar…Juntos, dessa vez!
Os quatro voltam para onde estão os outros.
Freya: !?
Vivi: Zidane!
Eiko: Zidane! Porque você abandonou a gente!?
Zidane: Desculpem… Vocês estavam certos… Eu preciso da ajuda de todos.
Vivi: Nunca mais abandone a gente, tá?
Zidane: Nunca…
Freya: Então você mudou de idéia.
Amarant: Que cara mais complicado, indo e vindo o tempo todo…
Zidane: É, mas não mais. Nós temos que parar o Garland…
Zidane: Muito bem! Agora nós podemos dar um jeito de sair desse castelo deprimente!
Vivi: Porque estamos todos juntos agora!
Zidane meneia a cabeça em acordo.

E a fantasia continua…

O que me fez realmente achar que essa cena foi ótima, além do enredo da história, foi a música que toca no fundo durante toda a cena. Muito boa, e se alguem souber onde consigo ela, me avisa. ^^

Anúncios

~ por Sniperk em 19/03/2009.

 
%d blogueiros gostam disto: