White Album – 11

Ogata explica as condições da aposta desse ano para Rina, Yaioi e Yuki ( e a dupla que nunca faz nada e deveriam ser os produtores da Rina, mas isso é outra história). Basicamente, vence quem conseguir a porcentagem maior da venda de ingressos para os shows da Rina, Yuki e da Sakura-dan.

Para eles vencerem eles tem que vender 100% de ingressos para os shows da Rina e da Yuki e 46701 do Stadium. Após a reunião, Ogata pergunta a Rina sobre Touya, ao que ela diz que mandou ele ir na frente. Nesse momento, Touya está no trem, pensando no primeiro show da Yuki. Rina confronta Yaioi sobre o fato dela ter rasgado a carta da Yuki para Touya, ao que ela diz que estava apenas removendo os obstáculos para o show da noite de Natal, dizendo fazer o seu trabalho apenas. Rina pergunta pra ela sobre os sentimentos dos dois, ao que ela responde que não saberia dizer por que não leu a carta, e pressiona Rina dizendo que os sentimentos envolvidos não era só dos dois, mas de três pessoas. Yaioi segue dizendo que ela pode fazer o que bem entender e que ela apenas fará o que é melhor para a Yuki, no que a Rina responde que fará o mesmo. Touya está no Echoes pedindo para o dono do bar entregar o livro da Misaki, pois ele acredita que ela e o Akira vão visitar o bar mais seguidamente dali em diante. Ele diz que não poderá entregar pessoalmente porque anda muito ocupado. Um carro buzina do lado de fora. É Rina que veio buscá-lo. Sem esperar a resposta ele agradece a ajuda e deixa o livro em cima do balcão. Rina chega no meio do estádio, e começa a agir como se ele estivesse cheio, acenando primeiro em direção a Touya, ao que ele pensa que é para ele, mas logo ele percebe o que ela está fazendo. Ele então fica nervoso, ao pensar que no lugar da Rina poderia ser a Yuki lá em baixo. Logo após a Rina está tentando ensaiar com a banda, mas ela aparentemente não consegue se concentrar e erra seguidamente. Touya então pensa que ela não virou nem Anjo nem Demônio. Após o ensaio, ele despede-se da banda, mas Rina diz que ela ainda tem mais mais uma tarefa pra ele, e o chama para jantar. Durante o jantar ele comenta que não recebeu nenhuma mensagem da Yuki, e imagina se ela está brava com ele. Rina responde que agora ela está se preparando para o concerto e que deve se concentrar apenas nele. Ele diz que entende isso, depois de ver como a Rina agiu hoje. Ela fala pra si mesma que ela não estava bem, mas logo depois muda de assunto. Ela pergunta se ele soubesse de antemão do concerto da Yuki, se ele teria recusado o trabalho junto com ela. Ele diz que não fez nada ainda, ao que ela responde que o que eles estão fazendo no momento é parte do trabalho dele (eu também quero um trabalho assim @_@).
Yuki chega ao lado do palco e espia para a pista. Ela começa a ficar nervosa, e alguem a empurra para o meio do palco. Ela ve várias pessoas mas não consegue distinguir ninguem, e fica nervosa olhando para os lados. Ela, com medo, recua instintivamente. Ela então respira fundo e quando está para começar a cantar, ela escuta o Ogata brigando com ela. O microfone que ela tinha em mãos vira um telefone, mas o fio está cortado. Ela começa a chorar. Então ao acordar, ela está no carro, junto com Yaioi. O telefone começa a tocar e Yaioi freia o carro bruscamente. Yuki pergunta se ela não vai atender. Elas conversam um pouco sobre a fita com a última música (provavelmente do single da Yuki que o presidente disse que decidiu. Yaioi diz para ela descansar que ela mesma vai pegar a fita. Yuki diz que assim vai ficar tarde demais para a Yaioi, e que as duas deveriam voltar para pegar juntas a fita. Yuki então pergunta sobre a carta. Yaioi diz para não se preocupar. Yuki agradece, pensando que ela entregou para Touya.
Touya está dando lições para a Mana, e ela fica impressionada por ele fazer parte da equipe de Rina. Ao olhar para o relógio, ela corre com o Touya da casa, pois está atrasada. Touya não entende nada. Ao sair da casa ele ve a Haruka, e a Mana finalmente entende que ela não é a Yuki. Akira e Misaki estão na cafeteria da universidade. Akira pergunta se ela não quer que ele fique na sua volta, ao que ela não responde. Logo após eles encontram com a Touya na cafeteria novamente, ele acena para os dois, mas Akira fica bravo.
Mana continua pensando que a Haruka é a Yuki, e depois de falar de tudo um pouco para ela, a Haruka se apresenta para ela como se as duas estivessem recém se conhecendo.
Logo mais, naquela noite, Yaioi e Touya estão no carro dela. Ela surpreende-se pois acreditava que ele estaria mais cansado do que ele aparenta. Ele diz que não fez nada, e que os produtores da Rina é que faziam tudo. Só o que ele faz é ficar de stand by e fazer de conta que ele é a platéia. Ela acha isso estranho, ao que ele diz que os membros da banda dela também disseram a mesma coisa. Ele acha que a perda do Arena foi muito grande para ela, ao que Yaioi pergunta se ele acha que isso iria mesmo fazer a Rina perder o ritmo. Pouco depois, Touya começa a falar sobre o que aconteceu no seu dia, sobre a Haruka e a Mana, sobre o Akira e a Misaki, até que Yaioi pergunta se ele não quer saber nada sobre a Yuki. Ele começa a chorar dizendo não entender os sentimentos da Yuki. Yaioi então lambe uma lágrima do rosto dele enfia a lingua na garganta dele. Ele dorme no carro dela.
Outro dia, Rina continua com o seu bloqueio, sem conseguir cantar. Ela pede uma pausa no ensaio e vai até um telefone público ligar para a Yuki. Elas conversam um pouco sobre as músicas e sobre o Touya, e quando a Rina pergunta se a Yuki quer que ela chame ele, ela responde que agora não.
Touya, que está dormindo em uma cadeira, é acordado pela Rina, para irem embora. Ela não entende porque esqueceu a letra da música. Ele diz que pode ser uma troca, dizendo que as vezes a gente esquece de uma coisa em troca de outra mais importante. Ela diz então que não existe nada mais importante para ela que as suas canções. Quando os dois saem, ela pergunta se ele não se importaria de acompanhá-la no outro dia logo após o trabalho dele no Echoes. Ele diz que não pode, porque já tem outro compromisso com a Yaioi. Rina fica desacreditada encarando o Touya.

Preview: Tirar, dar, guardar… o que mais dói e ter que esperar.

Ok. Então agora a gente tem um bebê chorão como carro-chefe dessa bagunça? Deus do céu. O que foi que a Yuki viu nesse cara? -.-;

Anúncios

~ por Sniperk em 15/03/2009.

 
%d blogueiros gostam disto: